Simplemente Humano

Sou simplesmente humano Às vezes não sou quem e nem o que queria ser… Às vezes o meu modo de agir não condiz com minha fé, com o que eu acredito… Às vezes sou tomado pela emoção ao invés da razão… Algumas vezes tento mudar, nem sempre consigo… Muitas vezes faço o mal, pensando em fazer o bem, involuntário nada haver com escolha… Quase sempre não sou como alguns gostariam que eu fosse… Acuse-me de inconsistente, inconseqüente, mais nunca de hipócrita… Sei dos meus defeitos, meus erros. Quase sempre tento mudar-los… Para os que me recriminam é fácil fingir. Como escreveu um grande poeta. Fingir não ver, não conhecer… Fingir que é pecado todo que é desejado, sonhado, explicado e estigmatizado. Tu finges que não é. Eu finjo que não sinto. Fingir que não há traumas. Dogmas, doutrinas, templos em ruínas. O que fizemos nós O que seremos nós O que sobraremos nós Com Deus do nosso lado Não precisamos mais fingir. Eu e Você. (Assis)

Anúncios

0 Responses to “Simplemente Humano”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




FAS Agenda

junho 2011
D S T Q Q S S
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Categorias


%d blogueiros gostam disto: